01/08/2008

Mulheres morenas ganham mais que loiras.

Diz a pesquisa da BBCBrasil.com. Segundo o levantamento, conduzido pela empresa de cosméticos Schwarzkopf & Henkel, as morenas ganham anualmente, em média, cerca de £4,2 mil libras (R$12,9 mil) mais do que as loiras.

Além disso, os resultados apontam ainda que as morenas são mais bem sucedidas na vida amorosa. De acordo com a pesquisa, 44% das morenas naturais ou que pintam os cabelos afirmaram que a cor dos cabelos ajudou no sucesso com o parceiro – uma diferença de 10 pontos percentuais com relação às loiras (34%) que afirmaram o mesmo.

Entre as morenas, 20% afirmaram que tiveram pelo menos cinco relacionamentos amorosos no passado, comparados com apenas 13% das loiras entrevistadas na pesquisa.


Só quero saber uma coisa. Quem está com o meu?
Aposto que tem loira pintando o cabelo de preto aí e ta me passando a perna. CERTEZA!

6 comentários:

enferrujamento disse...

aushaushauhsau.
Po, puxei umas luzes esse mês pra dar uma iluminada no cabelo, mas acho que vou desfazê-las, né.

Vai que o namoro termina e me mandam embora do emprego? tá doido!

Aline disse...

kkkkkkkkkkkkk

Olha, levando em consideração o numero de loiras e o numero de morenas aqui do Jornal.. As morenas estao em desvantagem hein... Sei naooo, sei nããooo!

Thays Petters disse...

ahhhhhhhhhhh! tamo na frenteee!

Valtércio Mendes disse...

hum... ta procurando briga com as loiras hehehe

Boa postagem... prefiro nao opnar... todas são belas hehehe

elOh bOrBa disse...

HA HA HA !

adoro ser morena de natureza!
e essas estaticas sao realissimas sou prova delas haha.

beijao

saudade tatu

Anônimo disse...

Loiras, morenas... O importante para mim é serem caucasianas.
Sou branco, caucasiano e a mulher tem que ser branca que nem eu.
Pode ser pobre, gorda, totalmente desdentada mas tem que ser BRANCA pq eu sou BRANCO e esse é o meu povo.

Esse é um país imundo mesmo. Veja todas essas mulatas pintando o cabelo de amarelo, característica do povo branco.
Até os macacos estão descolorindo o cabelo. Povo desgraçado, carrapatos